segunda-feira, 15 de setembro de 2014

Excerto de Brincos de Princesa

Imagem retirada da Internet
"Dib Kassim tinha trinta e quatro anos e um séquito de mulheres no seu curriculum. Cuidado no corpo e bem vestido era um autêntico playboy que gastava milhões de dólares em carros topo de gama de marcas luxuosas – os seus brinquedos como lhe chamava- e, gabava-se de coleccionar as mais belas mulheres, o que não abonava muito na sua reputação. Alto e com porte atlético fruto das muitas horas que passava a fazer exercício, tinha um rosto deveras bonito: olhos castanhos, lábios carnudos e um sorriso mostrando dentes bem tratados; a barba mal feita – deixada assim de propósito- dava-lhe charme mais que suficiente para ter a atenção das mulheres virada para si em todos os ambientes em que se encontrasse. Até no deserto junto aos poços de petróleo era atraente.
Estudou em Londres e por lá aprendeu a arte da sedução para além de se ter licenciado em engenharia do petróleo. Actualmente é o responsável pela exploração petrolífera da família Kassim em conjunto com o tio e a prima filha do Sheikh, mas acima de tudo é um renegado que ainda não encontrou o seu lugar.
 Deambulava pelo centro comercial com o intuito de comprar um relógio caro para oferecer de prenda a uma jovem ocidental que tentava conquistar – Dib adora mulheres ocidentais - quando viu Laura sair da loja. Ficou deslumbrado com as formas dela: pernas bem torneadas, porte altivo e seios fartos e sem ser demasiado alta. Tudo o que apreciava numa mulher. Reconheceu-a de imediato. Achou-a tão misteriosa no dia da apresentação da campanha de publicidade que não quis perder a oportunidade de a conhecer e assim que a viu seguiu-a de forma muito discreta não fosse assustá-la. "  
** 

Sem comentários: